sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Praia Grande (SP): Sectur abre inscrições para Festejos de Iemanjá

Texto: Lorena Flosi , MTB: 40.295 | Foto: Foto Alexandra Giulietti | Fonte: PG Notícias


Federados e não-federados podem se inscrever até o dia 18 de novembro

Estão abertas as inscrições para federações e religiosos não-federados que queiram participar dos festejos de Iemanjá, que em 2011 acontecem em Praia Grande nos dias 3 e 4 e 10 e 11 de dezembro. Com mudanças substanciais no processo de inscrição e logística do evento, o Festejo de Iemanjá deve atrair mais de 30 mil pessoas ao Município, que anualmente recebe religiosos de todo o Estado de São Paulo para fazer suas homenagens à Rainha do Mar.

Neste ano, as taxas de inscrição são de R$280,00 para ônibus e R$170,00 para microônibus ou vans. Interessados devem entrar em contato com o setor de Turismo da Sectur, através do telefone 3496-5716.

'Este ano estamos implantando algumas inovações, principalmente no que diz respeito à logística das inscrições, distribuição de áreas para as homenagens e estrutura', destaca o chefe do departamento de Turismo da Sectur, Aristides Faria. 'Nossa intenção é agilizar e facilitar o processo de inscrição, que este ano é totalmente online, além de oferecer uma estrutura mais eficiente, que atenda melhor aos visitantes'. Aristides explica ainda que a partir deste ano, a distribuição das áreas demarcadas foi feita através de sorteio entre as federações, o que possibilitou um planejamento mais eficiente do mapa de pontos de luz e água que devem atender às federações.

Reforma: Um dos locais mais visitados durante a festividade deverá ser a da imagem de Iemanjá, localizada na Praia Mirim. A estátua, com oito metros de altura, foi recuperada em 2006, e reformada em 2011, recebendo reparos na estrutura e novo paisagismo. Além disso, a Secretaria de Serviços Urbanos (Sesurb), responsável pela ação, construiu no local dois velários, espaço onde as pessoas poderão depositar velas, e dois pontos de água. A escultura fica sobre um conjunto formado por dois espelhos d'água: um junto à areia e outro suspenso, na altura do calçadão da orla.

Na volta de todo o espelho d'água há área protegida para a colocação de velas, formando uma cortina de luz. Já o piso é revestido com pedra miracema.

Sincretismo: Resultado do sincretismo religioso, Iemanjá é uma das figuras mais conhecidas nos cultos afro-brasileiros. Segundo informações do site Umbanda Racional, os jesuítas portugueses, tentando forçar a aculturação dos africanos e a aceitação dos rituais e mitos católicos, procuraram fazer casamentos entre santos cristãos e orixás africanos, buscando pontos em comum nos mitos.

Para Iemanjá foi reservado o lugar de Nossa Senhora, sendo, então, artificialmente mais importante que as outras divindades femininas, o que foi assimilado, em parte, por muitos ramos da Umbanda.

É uma das rainhas das águas, sendo as duas salgadas: as águas provocadas pelo choro da mãe que sofre pela vida de seus filhos, que os vê se afastarem de seu abrigo tomando rumos independentes; e o mar, sua morada, local onde costuma receber os presentes e oferendas dos devotos.

Na África, a origem de Iemanjá também é um rio que vai desembocar no mar. De tanto chorar com o rompimento de seu filho, Oxóssi, que a abandonou e foi viver escondido na mata junto com o irmão renegado, Oçãnhim (Oçanhe), Iemanjá se derreteu, transformando-se num rio que foi desembocar no mar.

domingo, 16 de outubro de 2011

domingo, 2 de outubro de 2011

Cadastur | Bacharéis em Turismo

O Cadastur dos Bacharéis em Turismo deverá passar por uma reformulação para reforçar institucionalmente o cadastro que até então não teve cumpridos seus reais objetivos conforme previsto na Deliberação Normativa 431 de 2002.

Para tanto, a ABBTUR (Associação Brasileira dos Bacharéis em Turismo) legítima representante dos Turismólogos do Brasil e membro do Conselho Nacional de Turismo, está negociando com o Ministério do Turismo, com o apoio do Conselho Nacional do Turismo, a melhor maneira de efetivamente tornar o Cadastur uma importante ferramenta de desenvolvimento do turismo brasileiro e dos turismólogos, todavia até isso acontecer, a administração dele será feita pela ABBTUR, conforme Portaria Ministerial 194 de 28 de setembro de 2011.

A posição da ABBTUR, nesse momento, é de que o cadastro não será vinculado à filiação, pois a ABBTUR entende que a associação à entidade deve ser manifestação de vontade do profissional e não imposição vinculada a qualquer ato que seja.

RITA MICHELON
Turismóloga e Consultora em Viagens e Turismo
SECRETARIA EXECUTIVA ABBTUR NACIONAL

MINISTÉRIO DO ESPORTE E TURISMO
INSTITUTO BRASILEIRO DE TURISMO

DELIBERAÇÃO NORMATIVA Nº 431, DE 12 DE AGOSTO DE 2002

A Diretoria da EMBRATUR - Instituto Brasileiro de Turismo, no uso de suas atribuições legais e estatutárias,
CONSIDERANDO as competências que lhe foram conferidas pelo artigo 3º, inciso I da Lei n.º 8181, de 28 de março de 1991;

CONSIDERANDO o interesse turístico dos serviços prestados pelos Bacharéis em Turismo, graduados por cursos reconhecidos pelo Ministério da Educação e do Desporto ou por similares do exterior, mediante validação do diploma no Brasil;

CONSIDERANDO ao disposto na Deliberação Normativa n.º 390, de 28 de maio de 1998 e na Deliberação Normativa n.º 421 de 24 de maio de 2001;

CONSIDERANDO a necessidade de se estabelecer padrões de conduta ética, pelos quais os profissionais responderão perante seus usuários e a categoria; resolve:
Artigo 1º - Instituir o Sistema de Cadastramento dos Bacharéis em Turismo junto a EMBRATUR, visando quantificar e qualificar o universo profissional.

Parágrafo único - Caberá à Diretoria de Economia e Fomento da EMBRATUR gerir a base de dados gerada pelo Sistema instituído neste artigo.

Artigo 2º - A utilização do Sistema, validação e a análise dos dados cadastrais poderão ser executadas diretamente pela EMBRATUR, em conjunto com a entidade representativa dos Bacharéis em Turismo – Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo (ABBTUR) - ou por intermédio de terceiros, visando:
I - identificar os indicadores de participação no mercado de trabalho;

II - analisar os cenários de evolução dessa participação;

III- divulgar sistematicamente a situação e tendências do mercado.
Artigo 3º - O Cadastramento dos Bacharéis em Turismo far-se-á conforme formulário estabelecido pela EMBRATUR, em conjunto com a entidade representativa dos Bacharéis em Turismo.

Parágrafo único - O Cadastramento do Bacharel em Turismo será efetivado mediante o recebimento do respectivo certificado de cadastro na EMBRATUR.

Artigo 4º - A renovação dos dados cadastrais realiza-se-á bienalmente, sem prejuízo da comunicação de alterações intercorrentes.
(Publicado no D.O.U. nº 164, de 26 de agosto de 2002, Seção I, Pág. nº 105)

Artigo 5º - O Bacharel em Turismo é responsável pela consistência e veracidade das informações que fornecer na sua ficha cadastral.

Artigo 6º - O cadastro, renovação e alteração, poderá ser feito via internet, no endereço www.brasil.embratur.gov.br, ou formulado com o preenchimento de ficha de cadastro fornecida pela EMBRATUR ou por seus órgãos ou entidades delegadas, nas unidades da Federação.

Parágrafo único – O cadastro , ou de renovação ou de alteração deverá ser efetivado mediante:
I – entrega do comprovante de pagamento do preço de serviço cobrado pelos Órgãos Delegados da EMBRATUR nas Unidades da Federação;

II - apresentação de cópia autenticada do Diploma de Graduação de Bacharelado em Turismo registrado no MEC;

III - apresentação de cópia autenticada do CPF.
Artigo 7º - Será cancelado do Sistema de Cadastramento o Bacharel em Turismo que não atualizar as informações nele constantes ou contra o qual haja representação por má conduta ética profissional, após a devida apuração e verificação da veracidade dos fatos, garantida a ampla defesa e o direito a recurso.
Parágrafo único - A apuração dos fatos narrados na representação mencionada neste artigo será procedida pela EMBRATUR, por si, em conjunto ou por delegação da entidade representativa dos Bacharéis em Turismo.

Artigo 8º - Para fins da Deliberação Normativa N.º 390/98 e N.º 421/01, o Bacharel em Turismo deverá estar cadastrado na EMBRATUR, nos termos desta Deliberação.

Artigo 9º - Acrescenta itens e valores do Anexo I da Deliberação Normativa nº 425 de 2001, conforme Anexo Único desta Deliberação Normativa.

Artigo 10º - Revoga-se a Deliberação Normativa nº 395, de 18 de setembro de 1998.

Artigo 11º - Esta Deliberação Normativa entra em vigor na data de sua publicação.

LUIZ OTÁVIO CALDEIRA PAIVA
Presidente

FRANCISCA REGINA MAGALHÃES CAVALCANTE
Diretora de Economia e Fomento

MARCO ANTONIO BRITTO LOMANTO
Diretor de Marketing

JOÃO ELIAS CARDOSO
Diretor de Administração e Finanças
(Publicado no D.O.U. nº 164, de 26 de agosto de 2002, Seção I, Pág. nº 105)

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

ABBTUR São Paulo celebra Dia do Bacharel em Turismo com palestras


A ABBTUR São Paulo convida a todos para participar do Evento Comemorativo do Dia Nacional do Bacharel em Turismo.

..:: Venha celebrar esta importante data assistindo às seguintes palestras:
Infraestrutura Brasileira para Eventos Esportivos na Copa 2014
Dino Gentille | Diretor da Federação Paulista de Futebol

Sustentabilidade em Eventos
Heloisa Melillo | Presidente do Grupo de Articulação Social H.Melillo
..:: Inscreva-se: abbtursp@abbtursp.com.br

..:: Evento gratuito | vagas limitadas | garanta a sua agora! ::..

..:: Apoio ::..

SESC SP

..:: Serviço ::..


..:: Info: www.abbtursp.com.br | Facebook: ABBTUR São Paulo


Quando: 27/09 (terça-feira)

Horário: 19h às 22h

Onde: Sesc Pinheiros | Rua Paes Leme, 195 (Sala de Atividades 1, 3º andar)

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Apresentação | Instituto Brasileiro de Inclusão Social no Turismo


Prezados leitores,

Gostaria de apresentar-lhe o Instituto Brasileiro de Inclusão Social no Turismo (IBISTur), entidade sediada no município de Guarujá e com atuação focal na Região Metropolitana da Baixada Santista.

O IBISTur trabalha no sentido de promover a inclusão social dos jovens no mercado de trabalho do turismo e serviços relacionados a essa atividade, que é base da economia de Guarujá e região.

Os resultados apresentados pelo Instituto são bastante significativos e ilustram o profissionalismo com que o IBISTur vem sendo gerido desde sua fundação, em fevereiro de 2007.

Até o momento foram 398 alunos no Curso de Garçom, 96 no Curso de Camareira de Hotel, 67 no de Confeitaria e mais 110 alunos no curso de Ajudante de Cozinha. 80% destes alunos encontram-se inseridos no mercado formal de trabalho, sendo 15% dos egressos trabalham como mão de obra temporária e outros 5% optaram por não atuar na área do turismo/gastronomia. Total de jovens beneficiados diretamente: 671.



..:: Missão ::..

Educar e capacitar jovens socialmente vulneráveis para o mercado de trabalho gerando emprego e renda. Sensibilizar, Conscientizar e Qualificar as organizações do turismo, levando tecnologia e conhecimentos sobre sustentabilidade, contribuindo ativamente para a melhoria dos indicadores de desenvolvimento humano

..:: Objetivos ::..
Promover a inclusão social de jovens carentes provenientes de famílias de baixa renda através da capacitação profissional para o turismo;

Conscientizar e sensibilizar a comunidade, empresários, setores da sociedade organizada da importância da preservação ambiental;

Implementar ações de desenvolvimento sustentável com responsabilidade social e ambiental;

Propor políticas públicas para a melhoria nas condições sócio ambientais da comunidade;

Melhorar o índice de desenvolvimento humano – IDH nas comunidades através de ações sustentáveis focadas no turismo.
..:: Serviço ::..

Instituto Brasileiro de Inclusão Social no Turismo
Rua Ostreiras, 501. Jardim Santa Maria, Guarujá (SP)
Fone: (13) 3379-1800
E-mail: contato@ibstur.org
Website: www.ibistur.org

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista tem workshop de lançamento na Uniesp Guarujá

Prezados Colegas,

Escrevo para informar sobre o lançamento do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista que aconteceu no último dia 15, na Uniesp Campus Guarujá, paralelo a workshop sobre ‘Empreendedorismo & Empregabilidade’.


O evento fez parte da programação da Semana de Administração, Ciências Contábeis e Comércio Exterior, que reuniu cerca de cem alunos da Faculdade do Guarujá.

A ação é coerente a estratégia de comunicação do SEHLIPA, que pretende consolidar-se como um evento empresarial em segmentos distintos ao Turismo e a Hotelaria.

A [RH em Hospitalidade] promove o entendimento da Hospitalidade no contexto comercial, empresarial como um conceito transversal, ou seja, que emerge diariamente nas mais diversas e corriqueiras situações da rotina de trabalho.

..:: Serviço ::..

Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista
Quando? Março de 2012
Onde? Guarujá (SP)
Info: www.sehlipa.com
Blog: http://sehlipa.blogspot.com
Twitter: @sehlipa
Facebook: www.facebook.com/sehlipa
E-mail: sehlipa@rhemhospitalidade.com

Um forte abraço!

Sucesso sempre,

Aristides Faria

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Workshop | Empreendedorismo & Empregabilidade

Caros colegas,

Convido-os a participarem de minha palestra em evento que marca o lançamento oficial do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista (www.sehlipa.com).

Trata-se de um workshop sobre "Empreendedorismo & Empregabilidade" no qual levarei a discussão reflexões e práticas acerca desses temas correlatos.
Apresento a seguir os slides utilizados nessa apresentação!
Será um prazer contar com a presença de vocês!!

..:: Serviço ::..

Dia 15 de setembro, quinta-feira
Das 19h às 22h
Local: Uniesp | Campus Guarujá / Avenida Adhemar de Barros, 820

Um forte abraço!

Sucesso sempre,
Aristides Faria

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Guarujá regulamenta atividade dos monitores de ecoturismo

Para conservar o patrimônio natural e cultural de Guarujá e fornecer oportunidade de emprego à população residente das comunidades tradicionais, foi sancionada a lei 3.885, que regulamenta a atividade dos monitores que acompanham os visitantes das áreas naturais. Agora, eles devem ser locais e cadastrados no banco de dados da Prefeitura de Guarujá, por meio da Secretaria Municipal de Turismo.
De acordo com a lei, os monitores deverão acompanhar os turistas nos passeios em áreas naturais, como trilhas e caminhadas. São, atualmente, cerca de 35 monitores, cujo treino promovido pela Prefeitura desde o ano passado teve como base a Resolução da Secretaria Estadual de Meio Ambiente - SMA 32/98. A ideia é divulgar a lei e conscientizar as agências de ecoturismo, fazendo com que este trabalho, agora devidamente regulamentado, seja cada vez mais valorizado.
As agências de turismo, mesmo que venham com grupos e guias, são agora obrigadas a fazer quaisquer passeios acompanhadas de um monitor local, que será escalado de acordo com a data e horário de chegada dos grupos de passeio. O agendamento, na comunidade da Prainha Branca, deve ser feito pelos telefones 3305-6119 ou 9709-1141 (tratar com Claudenice). Já na comunidade da Santa Cruz dos Navegantes, deve ser feito pelo telefone (13) 8121-0762 (tratar com Ivanildo).

Para o vereador José Carlos Rodriguez, idealizador do projeto, a regulamentação é muito importante para que os monitores e turistas possam estar cobertos de segurança. “O que nos levou a fazer a lei foi a necessidade que os monitores tinham de uma sustentação. O que realmente foi fundamentado neste projeto foi que as associações locais se reuniram e exprimiram sua necessidade”, afirmou. Ele ainda disse que é preciso investir cada vez mais na instrução dos monitores para que eles possam exercer sua profissão da melhor maneira possível.

..:: Fonte: Prefeitura Municipal de Guaruja

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

11.09 | Não precisamos de mais problemas

Olá pessoal,

Os acontecimentos da última década motivados – ao menos ideologicamente – pelos atentados terroristas do fatídico “11 de setembro” originaram dados quantitativos que me surpreenderam. O mais incompreensível deles é o fato de que as guerras e contra-guerras da “década perdida” causaram 900.000 mortes de civis, o que significa mais de 300 vezes o número de mortos pelos atentados.

Só isso basta para resumir meu sentimento quanto as pessoas mortas naquela ocasião, mas também quanto aos anônimos sobreviventes e as famílias e amigos de ambas partes. Trauma. Ruptura. Dor. Esperança. Saudades.Que impere a vida.
São múltiplas as impressões e reflexões possíveis. São diversas as compreensões e incompreensões advindas dessas incongruências. A “guerra pela paz” é tão – e/ou mais – inócua quanto a retaliação irresponsável não contra (supostas) armas químicas, (supostos) terroristas, (supostos) golpes de Estado e coisas do gênero.
Espero que as décadas vindouras e, sobretudo, as pessoas que a governarão e as quais serão governadas durante esse tempo saibam harmonizar interesses e a luta de classes (seja lá qual for a compreensão acerca disso) converta-se em um intenso, enriquecedor e permanente compartilhar.



Não precisamos de mais problemas... “We don’t need no more trouble”!

Um forte abraço!

Sucesso sempre,

Aristides Faria
Diretor de Comunicação
ABBTUR São Paulo

domingo, 28 de agosto de 2011

Senac Santos agradece pela presença no evento em prol dos desabrigados do Vale do Ribeira



O Vale do Ribeira, região Sul do estado de São Paulo, foi atingido por fortes chuvas no início do mês de agosto, o que provocou inundações e caos aos habitantes de Eldorado, Sete Barras, Registro e Iguape.

O Senac Santos, por meio da coordenação do curso Técnico em Hotelaria, promoveu, em 26 de agosto, última sexta-feira, uma ação social em prol das famílias desabrigadas do Vale. Aconteceram duas palestras e o lançamento regional do livro “Turismo de Experiência” (Ed. Senac São Paulo, 2010).

Os cerca de cem participantes ofereceram como donativos garrafas de água mineral que serão muito brevemente destinadas às mais de 7.000 pessoas acometidas pelos desdobramentos das enchentes no Vale do Ribeira.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

AGRINORDESTE 2011 | Convite: Palestra sobre 'Turismo de Experiência'

Caros colegas,

Convido a todos colegas do Estado de Pernambuco a participarem da palestra "Turismo de Experiência: reflexões e práticas no espaço rural", que ministrarei durante o AGRINORDESTE 2011, em Recife, no dia 02 de setembro próximo.


Compartilho a seguir um resumo do que levaremos a debate nessa ocasião:

"Essa palestra tem como objetivo promover a reflexão acerca da formação da experiência de viagem e sensibilizar os participantes quanto a importância de práticas gerenciais que subsidiem a coleção de boas impressões durante todos os contatos com visitante com produtos e serviços do destino.

O turismo é essencialmente o encontro entre visitantes/turistas e visitados/comunidade residente. O espaço em que essas permanentes inter-relações acontecem serve como cenário, pano de fundo. Assim, torna-se fundamental planejar esses espaços – e seus produtos e serviços componentes – de modo que sejam acolhedores e seguros aos visitantes e, principalmente aos visitados, que são os atores que compartilham de identidade com esse local e que o conferem vida ao fazerem uso, convertendo-o em um lugar carregado de carga simbólica.
O turismo no espaço rural tem forte apelo no relacionamento ‘familiar’ e ‘pessoal’ com os visitantes uma vez que estes hospedam-se, em muitos casos, na própria residência dos visitados/empreendedores. Acredita-se que, cada vez mais bem informado, o turista – seja de lazer ou negócios – inicia seu deslocamento certo do que encontrará em sua destinação.
Em conclusão, sugere-se que o empresariado – por meio do associativismo – invista em permanente qualificação e estudo de mercado por meio de missões técnicas; que os organismos governamentais subsidiem essas ações, fortalecendo empreendedorismo e a organização de arranjos produtivos locais e regionais; e que o terceiro setor seja foro de convergência e dinamização de interesses, planos e realizações".


É isso aí! Será um grande prazer contar com a presença de todos por lá!

Um forte abraço!

Sucesso sempre,

Aristides Faria
Diretor de Comunicação
ABBTUR São Paulo

Novidades a caminho! Website no ar!

domingo, 21 de agosto de 2011

Senac Santos realiza evento em prol dos desabrigados do Vale do Ribeira

O Vale do Ribeira, região Sul do estado de São Paulo, foi atingido por fortes chuvas no início do mês de agosto, o que provocou inundações e caos aos habitantes de Eldorado, Sete Barras, Registro e Iguape.


O Senac Santos, por meio da coordenação do curso Técnico em Hotelaria, promoverá, em 26 de agosto, uma ação social em prol das famílias desabrigadas do Vale. Serão realizadas duas palestras e o lançamento regional do livro “Turismo de Experiência” (Ed. Senac São Paulo, 2010).

Para participar do evento, que é aberto ao público, os interessados são convidados a doar 1,5L de água potável. A captação será revertida total e imediatamente às mais de 7.000 pessoas acometidas pelos desdobramentos das enchentes no Vale do Ribeira.

..:: Palestras ::..

Cruzeiros Marítimos do pesadelo ao sonho: Professor Fernando Pedro (19h30 às 20h30)

Lançamento editorial: 20h30 às 20h50

Agência de Intercâmbios “Inglês na África”: Juliana Bonna (21h às 22)

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Associação Baiana de Turismo Rural



Uma recomendação da Ilma. Sra. Jane Figueirêdo. Presidente da Associação Baiana de Turismo Rural

Ministério do Turismo: por que um ministério útil?

Por: Tânia Omena, Pesidente da ABBTUR Nacional – Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo


Mais do que dizer tradicionalmente que crises trazem mudanças e soluções, devemos considerar que crises conduzem à objetividade, prioridades e sensibilização dos atores envolvidos direta ou indiretamente com ela.

Daí surge a grande lição, nada é tão mais importante do que buscar caminhos e ou mesmo atalhos, que possibilitem ultrapassar as dificuldades que vêm à tona nessa fase. As questões existem e são levadas adiante até que a crise se instale, portanto, a crise não é causa, é mais do que sintoma, são os problemas expostos.

Como todos são mobilizados pelas necessidades e riscos há a abertura para o entendimento, a parceria e o compromisso com as ações, tudo em novo espaço de tempo.. Na crise são exercitadas palavras como tolerância, solidariedade, integração, mas também são afloradas as competências e capacidades, se alteram valores e surgem oportunidades, são acionadas as ciências, estudos e pesquisas, sem desconsiderar a experiência e boas práticas menos científicas.


O Setor de Turismo é sensível a qualquer tipo de crise pois envolve pessoas, relações e espaços diferentes e que se misturam, estabelecem necessariamente muitas trocas de caráter economico-financeiro, social, legal. Inevitavelmente sofrerá com tais interferências, sejam globais como as atuais crises ou pontuais, quando questões por exemplo climáticas ou políticas ocorrem nos países, sejam eles nossos emissores ou receptores.
Portanto é de se supor que os governos e as representações empresariais e institucionais do Turismo devessem estar, se não preparadas para as crises, atentas para suas potenciais ocorrências. Aí reside a grande questão, pois estar alerta significa e precisa investir em pesquisas e em profissionais voltados para o estudo e análises constantes, que formem um quadro histórico e sempre renovado, com visão projetada para o futuro e suas perspectivas. Significa compor grupos, comissões especializadas e temáticas, estabelecer redes de informação.
A visão de movimento e geração de fluxos de visitantes e resultados de mercado são importantes, mas consequência de análises de contextos e cenários maiores e hoje, mais do que nunca, globais.

Nesse sentido o Brasil tem a oportunidade de fazer o melhor, não porque tem um território privilegiado e fantástico mas por poder trabalhar uma ampla visão para seu futuro turístico, aliar o foco do mercado, que por décadas tomou como prioridade e se inserir na reflexão maior de um fenômeno humano, social e político, que é o Turismo.

O status dado ao Turismo com a instituição de um Ministério abriu novos caminhos e estabeleceu balizamentos para o Setor, que se já se faziam necessários, considerando a maturidade da nossa história e o momento que se descortinava para o turismo no mundo.

No sentido político e oficial desde as relações parlamentares até a posição do Turismo frente à mídia houve uma alteração completa do discurso e das relações pois o Turismo passou para outro patamar de discussões e rintervenções.

No aspecto mais amplo e popular sabemos o quanto marcou a existência da EMBRATUR, que ainda hoje confunde a compreensão das pessoas comuns, afinal foi nossa representação maior por muitos anos e fez do marketing institucional brasileiro uma das suas maiores atuações. Porém a presença e mais, a ação do Ministério vem se consolidando. Acredito que positivamente o Salão do Turismo, por exemplo, seja a maior das vitrines, além dos programas de comercialização segmentados que vêm abordando o mercado de forma diferenciada.

O Turismo se faz presente hoje numa transversalidade tal que abrange 11 outros ministérios e desse modo apoia e integra realizações e eventos de relevância para o país, nas mais diversificadas temáticas e setores, com enfase no ambiental, cultura, esportes, educação e mercado de trabalho.

Ou seja, o Ministério cumpre o papel de um grande articulador do Brasil, como deve ser o Turismo. Incentivar fluxos de visitantes, captar eventos e negócios, trabalhar a imagem institucional só tem sentido se a ação interna for mais forte e expressiva do que a atuação externa, a partir do seu papel fiscalizador e no exercício das relações institucionais e legais, até mesmo com a aplicação da Lei Geral do Turismo.

Por outro lado, a existência de um ente oficial dessa ordem vem possibilitando o enfrentamento de questões cruciais, de forma integrada ao conjunto das necessidades do país como, aliás, deve ser, visto que o Turismo é mais um setor e uma das opção de desenvolvimento.

O Brasil sofre hoje a conseqüência da falta de formação e qualificação de governantes e pessoas que passaram por entidades, órgãos e cargos de gestão pública e trabalharam mal as políticas públicas e a preparação do futuro do país, o que não é privilégio apenas do Turismo, com carências e dificuldades de estruturas e infra-estruturas para se desenvolver de forma equilibrada, representando grandes fragilidades para o turismo brasileiro.
Por incrível que pareça não tratamos da falta de recursos financeiros e interesse em investimentos por parte da iniciativa privada, fmas tocamos de questões sociais, infra-estruturais, corrupção e falta de ética, aspectos que deixam uma pesada carga para o país, cotidianamente.
Nosso país tem a si mesmo como maior desafio. Dentre tantas aspectos que impedem o real desenvolvimento, vencer seus vícios e tradições históricas negativas, utilizar a força de seus potenciais em todos os setores, melhorar a educação e tratar as questões de estrututas e infra-estruturas das cidades, melhor índices de saúde, assumir posturas e padrões ambientais mais comprometidos, tratar a segurança pública e estabelecer novos horizontes nas demandas da Justiça e da Política do país.

Como o Turismo é uma consequência desse conjunto de vida de um destino, pouco representam as belezas e recursos atrativos para fazer frente e bem desempenhar a realização dos grandes eventos. O estabelecimento de todos os meios e compromissos assumidos nas fases da captação dos mesmos tem como fator preponderante a presença e de certa forma a gerência do Estado/governo, como maior investidor e responsável pelo ordenamento e composição do programa de realizações. A participação dos apoiadores, investidores, patrocinadores e demais parcerias, inclusive da sociedade civil, dependem dessa ação, sua clareza e lisura.


O tempo, e portanto os prazos, são fundamentais para o andamento do projeto como dos megaeventos que dependem de grandes obras e suas licitações, liberação de verbas, demandas paralelas que sempre ocorrem e até de condições climáticas favoráveis para os calendários de execução.

Para o Turismo todas essas questões são importantes e estabelecem uma certa “fiança” que o mercado precisa assumir pois precisa trabalhar com antecipação de programas e reservas, se preparar para as demandas pré, trans e pós evento, difíceis de serem tratadas sem um “norte” governamental, claro e realmente integrado nos níveis de gestão federal, estadual e municipal.

Nesse contexto encontra-se a preparação de pessoas, formar para qualificar, capacitar e treinar, com vistas a estabelecer novo entendimento sobre a importância do servir, com qualidade e num ambiente coletivo de hospitalidade. As ocupações do Setor devem ser vistas como efetivas e não temporárias, a geração de postos de trabalho devem traduzir a evolução ano a ano da chegada do evento com posterior manutenção de mercados e fluxos.
Por tudo que já se colocou até aqui, podemos afirmar que o Turismo é um integrador de todo o conjunto de vida e esforços em prol de uma nação e uma sociedade. Valoriza, dignifica, gera benefícios e produção, oportuniza e permite às localidades refletirem sobre suas condições e possibilidades num imenso e importante mercado de nivel local até o global.
Para tanto há que se ter clareza quanto à compreensão do que seja o Turismo visto pelo olhar de sua interpretação maior: um Fenômeno (Turístico), de caráter espacial e social que precisa ser devidamente conhecido, estudado e tratado através de políticas públicas de estado e envolvimento intersetorial, de outro uma Atividade (Turística), econômica e produtiva, capaz de gerar riquezas e promover trocas dinamizadoras de desenvolvimento.

Na avaliação da nossa Entidade, representantes dos Tuirsmólogos do país, a ABBTUR – Associação Brasileira de Bachareis em Turismo, o panorama para o Turismo brasileiro é bastante animador e estimulante. Em contrapartida teremos que exercitar a convivência em parcerias, os acordos e as ações conjuntas, benéficas para a maioria e não para grupos. O Turismo só pode ser bom e propiciar resultados positivos se o benefício for comum.

A atuação do MTur hoje não só reforça essa organização do Setor mas, sobretudo, estabeleceu-se dessa forma, com a Gestão Descentralizada do Turismo, na qual todos tem sua parcela de envolvimentos e ações. Não há obrigação mas a opção pelo processo instituido pelo MTur.

Cada ente desse processo representa seu grupo e deve transitar com informações e compartilhamento, reforçando suas redes e suas bases. Assim o exige o Turismo como Fenômeno, que se reflitirá numa Atividade mais equilibrada.
Atingimos patamares para um Turismo mais amadurecido e vivo nos municípios e comunidades, independentemente da existência de fluxos de visitantes tradicionais, mas de clientelas de um novo mercado de consumidores, mais sensíveis e conscientes da importância dos nossos territórios, culturas e comunidades. São mais independentes e no entanto mais observadores de formas de preservação e respeito local, “consomem” a experiência, a vivência e as relações.

Por outro lado o Turismo, com sua evidente presença e importância na e para a sociedade brasileira, nunca teve tantos estudos, monografias, novas e diferenciadas empresas e entidades dadas à responsabilidade social. Dados e estatísticas, pesquisas qualitativas, publicações, fortalecem a área e o campo da Turismologia, oferecendo referências e colaborando com os mais diversos níveis de decisões.


A cada dia saímos da era do “achismo” para conhecimento e competências reais, dentro de um contexto no qual se destaca o Turismólogo, profissional egresso dos cursos superiores de graduação em Turismo criados há 40 anos pelo MEC para desenvolver estudos com a seriedade e profundidade que o FENÔMENO TURÌSTICO exige, com resultados e perspectivas positivas para municípios e comunidades, desempenhando importante papel frente a Secretarias governamentais, assessorias e consultorias em políticas públicas, projetos e empreendimentos de desenvolvimento local.

Portanto o pleito dos Turismólogos abrange além do seu reconhecimento profissional, o respeito técnico para o setor turístico, em âmbito institucional, público e privado, com o cumprimento das proposições éticas preconizadas pela OMT – Organização Mundial do Turismo e assim respondendo porque o Ministério do Turismo é um ministério útil.

Rio de Janeiro, 10 de agosto de 2011.

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Só criatividade não garante emprego e lucro

Empresários, profissionais e professores farão encontro com o Secretário de Desenvolvimento da cidade de São Paulo, Marcos Cintra, para dialogar sobre desafios e oportunidades na economia criativa. Dia 16 de Agosto na sede da FECAP Pinheiros. Entrada franca

Empresas que têm seus negócios baseados na criatividade e talento de suas equipes de profissionais – os negócios criativos- constituem-se hoje na “menina dos olhos” de todas as grandes metrópoles do mundo moderno. São Paulo não é diferente e está no páreo pelo título de “cidade criativa” juntamente com Londres, Barcelona, São Francisco, Seul, Hamburgo entre outras.

Esta disputa não se dá só pelo charme e glamour das atividades criativas. Estudo da FUNDAP, recentemente publicado pela prefeitura, indica que a participação do emprego formal criativo é 3,47%, no Município de São Paulo, a mais alta taxa do Brasil.
A chamada Economia Criativa destaca-se não só pela capacidade de gerar empregos, mas também pela qualidade e remuneração desses empregos. De 2006 a 2009, a taxa média anual de crescimento do emprego formal no setor chegou a 9,1% no Município, enquanto no total da economia chegava a 5,8%.

Apesar destes números reluzentes, profissionais e empresários dos setores pesquisados como arquitetura e design, artes performáticas, artes plásticas e arte escrita, audiovisual, edição e impressão, ensino, informática, patrimônio, pesquisa e desenvolvimento e publicidade e propaganda lamentam a baixa remuneração e a baixa rentabilidade de suas atividades.

Segundo Manoel Müller, fundador e presidente por duas gestões da Associação Brasileira de Empresas de Design - ABEDESIGN - parte da solução dos desafios da economia criativa está na formação de gestores especializados em negócios criativos. “Existem no Brasil mais de 2.300 faculdades formando cineastas, artistas, designers, arquitetos e publicitários, mas não há nenhuma formação específica para gestores das empresas constituídas por estes profissionais.”, afirma Müller.

Para dialogar sobre o futuro da economia criativa, seus desafios e oportunidades, a FECAP - centro universitário dedicado às áreas de administração e economia- com o apoio da AMPRO - Associação de Marketing Promocional promovem no próximo dia 16 de Agosto um encontro entre empresários e profissionais do setor com o Secretário de Desenvolvimento Econômico da Cidade de São Paulo, Marcos Cintra, para um programa de palestras sobre o assunto.

..:: Para participar basta se inscrever pelo telefone 3272-2344 ou pelo site www.negocioscriativos.com.br. Entrada Franca.

..:: Mais informações ::..

Diálogos FECAP: Economia Criativa: Desafio e Oportunidades
Data: 16 de Agosto de 2011.
Horário: 19h30min às 21h00min.
Local: Sede FECAP Pinheiros.
Rua Artur de Azevedo, 1637

..:: Palestrantes ::..

Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Mercado de Trabalho. Prof. Marcos Cintra.
Prof. Dr. Luiz Gulherme Brom
Prof. Manoel Müller.

..:: Informações pelos sites: www.fecap.br; www.ampro.com.br e www.negocioscriativos.com.br.


..:: Curso de Gestão para Empresas Criativas ::..

Pensando no aperfeiçoamento profissional de gestores especializados nas áreas de marketing promocional e congêneres como design, web, digital e comunicação, a AMPRO- Associação de Marketing Promocional - que congrega cerca de 400 empresas associadas em todo o Brasil, firmou com a FECAP - Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado –convênio para a realização do primeiro curso de gestão voltado para as empresas criativas.

O curso de Gestão de Negócios para Empresas Criativas é composto por dois módulos complementares: financeiro - operacional e marketing - negócios com 24 horas aula cada. As aulas serão ministradas aos sábados na sede da Fecap Pinheiros e visa atender a necessidade de empreendedores e profissionais da administração e atendimento de empresas criativas. Informações e inscrições devem ser feitas diretamente com a AMPRO pelo telefone 3815 9998 ou pelo site www.ampro.com.br.

Turismo e inclusão: por uma visão humanista e social do turismo nas Américas

Encontro das Américas de Turismo Social de 24 a 27 de agosto/2011 - SESC Consolação

Sob o tema Turismo e inclusão: por uma visão humanista e social do turismo nas Américas, o Encontro das Américas de Turismo Social tem como objetivo propor uma reflexão sobre a importância do turismo como instrumento de inclusão social, cultural e econômica no continente americano.

Um turismo baseado na solidariedade, na valorização das diversidades e na democracia. Para tanto, o seminário inclui conferências que apresentarão o rico panorama do turismo social nas Américas, além de reflexões sobre a inclusão e a educação por meio do turismo. Também serão relacionadas experiências em turismo inclusivo, oferecendo discussões sobre práticas não convencionais e que promovam a democratização de acesso ao turismo, pautadas na sustentabilidade cultural, ambiental e econômica dos locais visitados.

As atividades pré e pós-seminário incluem visitas a destinos especialmente selecionados para aprofundar a reflexão sobre a importância da prática do turismo sustentável, responsável e acessível a todos, em São Paulo e em outros estados brasileiros.

O Encontro das Américas de Turismo Social é uma realização do SESC no Estado de São Paulo e da Secretaria para as Américas da Organização Internacional de Turismo Social | OITS Américas.

..:: Mais informações aqui!

Siga Viaje entrevista: Aldemir Almeida, Ibistur

..:: Confiram o amigo Aldemir Almeida falando sobre o brilhante trabalho do IBISTUR ::: Instituto Brasileiro de Inclusão Social no Turismo ::..

domingo, 7 de agosto de 2011

sábado, 30 de julho de 2011

Santos (SP) tem um dos 30 blogs de Empreendedorismo mais populares do Brasil!!!!



Caros colegas,

Compartilho a presente mensagem ainda emocionado... é um momento ímpar para todos nós que militamos diaria, ardua e interdisciplinarmente no campo da Hospitalidade.

Com muito orgulho, vos informo que o blog [RH em Hospitalidade] é um dos TOP 30 mais votados no Prêmio Top Blog 2011, a maior premiação de blogs do Brasil.

Em 2011, concorremos na categoria "Empreendedorismo", ou seja, é a bandeira do Turismo, da Hotelaria, da Gestão de Pessoas, dos Eventos, da Gastronomia e da Hospitalidade sob a égide do mundo dos Negócios.

Essa conquista, ainda em construção, pois o concurso seguirá até o final desse ano, é um resultado 'de' e 'para' TODOS, todos nós! Orgulhem-se disso!

Agradeço por seus votos, mas lembro que a caminhada é longa. A campanha continua. Sigamos em frente... juntos.

Um forte abraço!

Sucesso sempre,
Aristides Faria

Santos (SP), 29 de julho de 2011.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

quarta-feira, 20 de julho de 2011

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Você conhece a Agenda Pública?

A Agenda Pública é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, criada por um grupo de profissionais ligados à universidade e ao setor público, com o intuito de aprimorar a gestão pública, a governança democrática e incentivar a participação social, especialmente nos municípios.

Defendemos um ideal de governo mais responsivo, inovador, democrático e eficiente politicamente.

Para isso, trabalhamos pela construção de uma agenda coletiva, pautada no estabelecimento de parcerias para a formulação e implementação de políticas públicas, e pelo aperfeiçoamento das capacidades e do desempenho dos governos locais.
Nossos princípios

Os fundamentos que norteiam nossa atuação baseiam-se nos Princípios de Estambul, criados a partir do Open Forum for CSO Development Effectiveness, o qual definiu parâmetros mundiais de atuação para as Organizações da Sociedade Civil que trabalham pelo desenvolvimento.
..:: Reflexão permanente sobre o interesse público e sobre inovações sociais e institucionais
..:: Respeitar e promover os direitos humanos e a justiça social
..:: Incorporar a equidade e a igualdade de gênero e ao mesmo tempo promover os direitos das mulheres e das meninas.
..:: Foco no empoderamento, na apropriação democrática e na participação de todas as pessoas
..:: Promover Sustentabilidade Ambiental
..:: Praticar a transparência e a prestação de contas
..:: Estabelecer alianças equitativas e solidárias
..:: Criar e compartilhar conhecimentos e comprometer-se com o mútua aprendizagem
..:: Comprometer-se com a conquista de mudanças positivas e sustentáveis
..:: Nossa missão ::..

Contribuir para o aprimoramento da gestão pública e a ampliação da participação social para que governos municipais e sociedade civil organizada desenvolvam políticas públicas mais democráticas e eficazes.

..:: Visite o portal da entidade e informe-se | Agenda Pública ::..

Turismo em Debate: Gerenciamento de Destinos e os Impactos da Copa do Mundo



..:: Saiba mais ::..

MBA em Gestão de Negócios em Turismo: Eventos, Lazer, Viagens e Hotelaria

4º. Fórum de Direito do Turismo terá painel sobre proteção ao consumidor de serviços turísticos


"Ultimamente, a sociedade brasileira constatou diversos problemas enfrentados pelos turistas em seus preciosos momentos de lazer, tais como acidentes no transporte de passageiros, venda de ingressos falsificados para shows e espetáculos, falências de operadoras turísticas tradicionais, serviços hoteleiros de má qualidade, dentre outros.

A ausência de leis especificas para defesa dos interesses do turista impõe que o mesmo recorra ao Código de Defesa do Consumidor (Lei 8078/90). Este diploma, por sua vez, é genérico e não raro dificulta a interpretação das obrigações dos fornecedores de serviços turísticos (meios de hospedagem de turismo, agências de turismo, transportadoras turísticas, acampamentos turísticos e empresas organizadoras de congressos). Não é incomum a existência de dúvidas sobre onde se propor a ação de indenização por danos sofridos, contra quem pode ser proposta e qual o tipo de indenização a ser buscada.

Durante o 4º. Fórum de Direito do Turismo, especialistas em relações de consumo abordarão diversos aspectos da defesa do turista-consumidor. Dentre os especialistas reunidos em um painel, destacam-se o Dr. Luiz Mário Moutinho, Juiz de Direito; a Dra. Liliane Fonseca, Promotora e Coordenadora do Centro de Apoio ao Consumidor; o Dr. José Rangel, Coordenador do Procon-PE; e o Prof. Alyson Santos, Doutor em Direito. A mesa será presidida pelo Prof. Dr. Palhares Moreira Reis.

O 4º. Fórum de Direito do Turismo será realizado nos dias 19 a 21 de maio, no auditório da Faculdade de Olinda. Maiores informações sobre o evento podem ser obtidas através do telefone (81)34125156 (no turno da tarde) ou através do site.

Dica de Viagens e Lazer: Stand Up e Canoa Havaiana

Stand Up e Canoa Havaiana | São Vicente inaugura escola gratuita neste domingo (22)


A prefeitura de São Vicente, através da Secretaria de Esportes e Lazer, inaugura no próximo domingo (22/05) a primeira escola gratuita de Stand Up Paddle e Canoa Havaiana do país, às 10h. A unidade funcionará de segunda a sexta, na praia do Gonzaguinha, Avenida Antônio Rodrigues, na altura do nº 144, ao lado do Posto de Informações Base de Apoio ao Turista, das 8h às 10h e das 14h às 16h.

A s aulas de canoa havaiana acontecem nas segundas, quartas e sextas, enquanto as de stand up, nas terças e quintas. Matrículas poderão ser feitas no local a partir do dia 23 de maio, com 2 fotos 3x4, RG ou certidão de nascimento e comprovante de residência. Menores de 18 anos precisam de declaração escolar e um responsável para assinar a matricula. Adultos não precisam da declaração, mas devem apresentar exame médico...

A iniciativa, que tem como objetivo difundir o esporte e estimular a qualidade de vida dos munícipes, é feita em parceria com a Associação Desportiva Surf Vicentino e Associação Vicentina de Canoagem. “Temos alguns dos melhores espaços do litoral paulista para a prática desses esportes e o poder público felizmente reconhece isso”, comemora Flavio Prudêncio, da Associação Vicentina de Canoagem, ressaltando a iniciativa do secretario de esportes Fabiano
Scudeli.
..:: CERIMÔNIA HAVAIANA - Quem também estará presente é guarujaense Ronaldo Serapião Leite, conhecido mestre de cerimônias do surf brasileiro, que vai realizar a Cerimônia das Águas no estilo havaiano, para trazer boas vibrações à nova escolinha. Cada atleta traz uma pouco de areia e água da sua praia, que são misturados em um único recipiente. Em seguida, todos entram na água, fazem um círculo e o conteúdo do recipiente é despejado no centro, espalhando as “boas vibrações” trazidas por cada um.

..:: CIRCUITO DE STAND UP – Mostrando o comprometimento da cidade com os esportes de remada, também será lançado na ocasião o New Advance SUP Race, o primeiro circuito regional exclusivo para stand up na
categoria Race, que usa pranchas até 12’6’’ (cerca de 4 metros de comprimento). O evento terá três etapas nos próximos meses a partir de julho e promete reunir os principais atletas do país na categoria.
Para mais informações sobre a escola de stand up, canoa havaiana e também sobre o circuito, envie e-mail para sespor@hotmail.com ou entre em contato pelo telefone (13) 3569-2121.

II Simpósio 'Formação e Atuação Profissional em Turismo, Lazer e Hospitalidade'

Prezados(as) colegas,

Seguem informações sobre a programação final do II Simpósio “Formação e Atuação Profissional em Turismo, Lazer e Hospitalidade”, a realizar-se na Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH - USP Leste) da Universidade de São Paulo (USP) nos dias 23, 24 e 25 de maio de 2011:

Conferência de Abertura: The State of Tourism Education
Prof. David Airey, Ph.D. (School of Management/University of Surrey)
Currículo: http://www.surrey.ac.uk/management/people/david_airey/

Mesa Redonda 1: Possibilidades da Educação a Distância no Ensino de Turismo, Lazer e Hospitalidade

Profa. Dra. Vani Moreira Kenski (FE/USP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/3113321723239176
Prof. Dr. Ewout ter Haar (IF/USP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7018813178413996
Sr. Luiz Del Vigna (Diretor da Nomad Brasil Consultoria e Turismo e Coordenador de Qualificação e Desenvolvimento da Comissão ABETA/SP)
Currículo: http://www.nomadbrasil.com.br/br/apres_br.htm

Mesa Redonda 2: Educação Corporativa: em Busca de uma Aproximação entre a Formação e o Mercado de Trabalho em Turismo, Lazer e Hospitalidade
Profa. Dra. Marisa Eboli (FEA/USP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/3248066734287758
Profa. Ms. Gleiva Rios de Araújo Félix (Estácio Uniradial e Universidade Anhembi Morumbi)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/3360869100824899
Sr. Jacques Métadier (Diretor da Académie Accor AmLat e RH Países Hispano-americanos)
Currículo: http://br.linkedin.com/pub/jacques-m%C3%A9tadier/8/609/917

Conferência de Encerramento: A Universidade e suas Relações com a Sociedade – Subsídios para a Reflexão sobre a Formação em Turismo, Lazer e Hospitalidade
Profa. Dra. Maria Isabel da Cunha (UNISINOS)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0157149133885713

Mini-cursos/Oficinas:

1) Panorama e Legislação da Educação Superior em Turismo, Lazer e Hospitalidade
Profa. Dra. Marília Gomes do Reis Ansarah (UNIP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4040036490223830

2) Mapas Conceituais – Possibilidades de Utilização no Ensino de Turismo, Lazer e Hospitalidade
Prof. Dr. Paulo Rogério Miranda Correia (EACH/USP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1028921713215334

3) Elaboração de Resumos e Definição de Descritores para Monografias, Dissertações, Teses e Artigos das Áreas de Turismo, Lazer e Hospitalidade

Profa. Dra. Nair Yumiko Kobashi (ECA/USP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7888755937461651

4) Didática e Oratória com Data-show

Prof. Dr. José Carlos Ângelo Cintra (EESC/USP)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4829624033201170

Lembramos que as inscrições antecipadas devem ser feitas até o próximo sábado (21/05/2011) por meio do preenchimento do formulário disponível aqui!

Após o preenchimento do formulário será encaminhada via email a cobrança, a ser feita através do PagSeguro, que permite o pagamento por meio de cartões de crédito, boleto bancário e transferências online. O valor do investimento é de R$ 40,00 (quarenta reais) para estudantes de graduação e pós-graduação (mediante comprovação a ser apresentada na secretaria do evento) e de R$ 60,00 (sessenta reais) para docentes, pesquisadores e demais profissionais. Mediante a efetivação do pagamento, os inscritos receberão a confirmação da inscrição via e-mail.

Abraços.
Prof. Dr. Marcelo Vilela

terça-feira, 17 de maio de 2011

Escola Técnica Estadual de Itanhaém promove a SEMATEC

..:: Programação de palestras e workshops ::: Vagas limitadas! ::..


..:: 19/05 Tarde ::..

13h30 SALA 1 Case: Contadora de Sucesso - Kátia Mesquita de Souza Palmieri (delegada CRC Regional)
16h00 SALA 1 Conhecendo e Controlando os custos de Confecção

..:: 19/05 Noite ::..

19h00 SALA 1 Logística Portuária - Luciana Guerrize (UNISANTOS)
21h00 SALA 1 Logística na Confecção - Carolina Caetano

..:: 20/05 Tarde ::..

13h30 SALA 1 Gerenciando Fluxo de Caixa - Igor (coordenador de Registro)
16h00 SALA 1 Licitação Pública - Wilson Teixeira Ferreira (diretor de Licitações)

..:: 20/05 Noite ::..

19h00 SALA 1 Instituto de Capacitação Técnica Profissional - INCATEP
19h00 SALA 2 Procon - Finanças Pessoais
21h00 SALA 1 Uma história de Sucesso

..:: 19/05 Tarde ::..

13h30 as 17h00 LAB 1 Corel Draw Básico
13h30 as 17h00 LAB 2 Planejamento - a alma do Negócio. Preparando seu Plano de Negócios com ajuda do SEBRAE
13h30 as 17h00 SALA 3 Auto Maquiagem
13h30 as 17h00 SALA 4 Mangá
13h30 as 17h00 SALA 5 Confecção de Bolsas
13h30 as 17h00 SALÃO Técnicas de Tingimento
17h00 as 18h00 SALÃO Workshop de Dança

..:: 19/05 Noite ::..

19h00 as 21h30 LAB 1 Corel Draw Básico
19h00 as 21h30 LAB 2 Cursos SEBRAE on line
19h00 as 21h30 SALA 2 Confecção de Bolsas
19h00 as 21h30 SALA 3 Auto Maquiagem
19h00 as 21h30 SALA 4 Mangá
19h00 as 21h30 SALA 5 EPI - Equipamento de Proteção Individual

..:: 20/05 Tarde ::..

13h30 as 17h00 LAB 1 Audio Visual - Movie Maker
13h30 as 17h00 LAB 2 Desenvolvendo Produtos - Corel Draw Avançado
13h30 as 17h00 SALA 2 Técnicas de Moulage
13h30 as 17h00 SALA 3 Bijuteria Sustentável
13h30 as 17h00 SALA 4 Oficina de Artes Plásticas
13h30 as 17h00 SALA 5 Marketing Pessoal
17h00 as 18h00 SALÃO Workshop de Dança

..:: 20/05 Noite ::..

19h00 as 21h30 LAB 1 Audio Visual - Movie Maker
19h00 as 21h30 LAB 2 Desenvolvendo Produtos - Corel Draw Avançado
19h00 as 21h30 SALA 3 Bijuteria Sustentável
19h00 as 21h30 SALA 4 Oficina de Artes Plásticas
19h00 as 21h30 SALA 5 Marketing Pessoal

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Envolverde | Jornalismo & Sustentabilidade: São Paulo desmistifica a sustentabilidade



Fonte: Envolverde | Jornalismo & Sustentabilidade

“Espera aí! Tem alguma coisa diferente nessas atrações. Um balé de bailarinas com deficiência visual? Fardos de lixo formando um labirinto gigante?”

“Acho que tem a ver com essa coisa de sustentabilidade. Essa mostra de cinema, por exemplo, só tem filme que fala de mudanças climáticas. E o nome da exposição de grafite, então: ´Sustentabilidade: o Olhar do Grafite´.”

“E o melhor é que as coisas são bacanas. Sempre achei essa coisa de sustentabilidade meio chata, meio tediosa, mas não é que esses robôs feitos de lixo eletrônico são de tirar o chapéu?”

“É verdade. Não dá para acreditar que tudo aquilo é tirado do próprio lixo. Adorei os bichos d’água também.”


Será que o tema da sustentabilidade pode ser algo alegre e inspirador? Mensagens catastróficas sobre a inevitável extinção da raça humana, ordens de “faça isso” ou “faça aquilo” senão o mundo vai acabar, ou ainda a confusão gerada mais recentemente pela publicidade em torno do tema, num ambiente em que todos repentinamente se tornaram “sustentáveis” ou “socialmente responsáveis”, sugerem que a resposta é negativa.
Além de até de certa forma prostituir o vocábulo e o que ele representa, o uso constante dessa palavra – e por vezes como discurso adjetivo, mais que como realidade ancorada em atitudes e ações substantivas – creio que até afasta as pessoas do conceito e de sua importância, evocando chatice, obrigação e bom-mocismo.
Então, como tornar essa mensagem menos carregada ou confusa para os cidadãos comuns e, portanto, mais eficaz para conseguir que ele ou ela mude sua própria maneira de agir? Foi pensando nessa resposta que um grupo de comunicadores e articuladores paulistas criou um conjunto de eventos chamado Virada Sustentável, uma grande ação educativa sobre sustentabilidade, que utilizará como principais ferramentas a cultura e as atividades lúdicas.

Eventos: meio para o sucesso econômico de uma localidade

II Encontro Técnico de Turismo Étnico | Parque Municipal do Itaim | Taubaté (SP)


Em novembro de 2009 a Associação Brasileira de Turismo Étnico (ABTE) realizou em parceria com o Ministério do Turismo e a Prefeitura Municipal de Quissamã o “I Encontro Técnico de Turismo Étnico", buscando através do evento, conhecer a realidade do Turismo Étnico no país.

O Evento foi um sucesso e contou com a participação de diversos atores do Turismo Étnico do Brasil (Mtur, Prefeituras Municipais, Órgãos Estaduais e Entidades Civis Organizadas) e também internacional, representado pelo senhor Philippe Pichot, coordenador do projeto turístico desenvolvido na França, intitulado “Rota Turística das Abolições”.

Seguindo os passos do I Encontro Técnico, no ano de 2010 foi a vez de Salvador, capital baiana sediar o I Seminário de Turismo Afro-étnico, do qual resultou a Carta do Turismo Afro-Étnico da Bahia.

Este ano a ABTE volta seus olhos para eventos ligados ao Turismo Étnico que estão ocorrendo no Vale do Paraíba e no Brasil:

..:: Ano Internacional dos Afrodescendentes – celebração organizada pela UNESCO;

..:: MIB – Momento Itália – Celebração conjunta entre os dois países em homenagem aos imigrantes italianos no Brasil e vice e versa – outubro/2011 a outubro/2012

..:: Quitutes e Batuques – eventos culturais nas cidades de Taubaté, Tremembé e Pindamonhangaba homenageando os 100 anos da Imigração Holandesa.

O evento terá sua abertura no dia 20 de maio em um momento único na História da região, com o plantio de 44 árvores no Parque do Itaim em homenagem aos negros elencados em documentos dos séculos XVII e XVIII existentes no Arquivo Histórico de Taubaté. O plantio faz parte do Dia Eno Internacional do Plantio de Árvores, em comemoração ao Ano Internacional das Florestas, também celebrado pela UNESCO.

..:: Programação ::..

19/05 – Chegada dos participantes, hospedagem, noite livre

20/05 – Parque Municipal do Itaim

9h: Abertura – Prefeito Municipal e Secretário de Turismo;
9h30: Contextualização Histórica: Profα. Lia Carolina Prado Alves Mariotto – Caminho do Ouro – Um roteiro esquecido
10h30: Dia Eno Mundial do Plantio de Árvores (participação das Comunidades Negras Tradicionais de Taubaté);

12h: Almoço

14h: Apresentação dos Painéis: Ministério do Turismo – Matriz do Turismo Étnico (Sáskia Lima); a confirmar; Setur SP – O Turismo Étnico em SP – Vanilson Fickert; Rota da Liberdade/Turismo de Memória; (Solange Barbosa); Momento Itália Brasil (Maria Lucia Paiva); Mesh – Moedas Criativas e a Cidade do Conhecimento – Prof. Gilson Schwartz –
Perspectiva do Turismo Étnico no Amapá (Valéria Lima); Billy Arquimimo – O Turismo Afro Étnico na Bahia; Adriana Barbosa – Feira Preta - SP e A Rota do Escravo e o Turismo de Memória – Simão Souindoula (Vice Presidente do Comitê Científico da Rota do Escravo – Unesco)a confirmar

15h30: Formação dos grupos de discussão

17h30: Leitura das Conclusões dos grupos

18h: Encerramento das atividades do dia

21/05: Parque Municipal do Itaim

9h: Formatação da Carta do Turismo Étnico: Billy Arquimimo – A Carta do Turismo AfroÉtnico na Bahia;

11h: Encerramento do Encontro Técnico

12h: Almoço na Colônia Italiana do Quiririm

14h: Visita técnica na Colônia do Quiririm

22/05 – Retorno dos participantes aos seus locais de origem.

..:: Realização ::..

ABTE – Associação Brasileira de Turismo Étnico

..:: Apoio ::..

Ministério do Turismo
Secretaria de Estado do Turismo - SP
Fórum Permanente de Desenvolvimento de Turismo do Vale do Paraíba e Serras
Prefeitura Municipal de Taubaté
Conselho Municipal de Turismo de Taubaté
Taubaté e Região Convention and Visitor’s Bureau
Embaixada Italiana no Brasil – Consulado Honorário de Guaratinguetá
União dos Italianos no Mundo – SP e RJ

..:: Informações Gerais ::..

Será fornecido Certificado de Participação no Evento;

Haverá Traslado Gratuito dos Hotéis para o Parque Municipal do Itaim nos dias do evento: 20 e 21;

Inscrições deverão ser feitas pelo email: sol.real@hotmail.com

..:: Empresa de Ônibus Pássaro Marrom ::..

..:: Ônibus do Aeroporto de Guarulhos para Taubaté – 2h30 de viagem – R$ 22,50 (Vinte e dois reais e cinquenta centavos). Saídas: 8h, 10h, 13h30, 15h, 17h30, 22h

..:: Ônibus do Aeroporto de Congonhas (São Paulo) para Guarulhos – 1h30 de viagem – R$ 33,00 (Trinta e três reais). Saídas a cada 30 minutos a partir das 5h até as 23h10

..:: Ônibus do Aeroporto de Viracopos (Campinas) para São José dos Campos – 2h30 – R$ 30,90 (Trinta reais e noventa centavos). Saídas: 6h20, 8h50, 13h20, 16h30, 19h, 20h30

..:: Ônibus de São José dos Campos a Taubaté – 1h10 – R$ 7,75 (Sete reais e setenta e cinco centavos). Saídas a cada 30 minutos.

..:: Hotéis ::..

..:: Olavo Bilac Apart Hotel – R$ 135,00 (Cento e trinta e cinco) quarto single
• R$ 100,00 (Cem reais) por pessoa, quarto duplo
• R$ 80,00 (Oitenta reais) por pessoa, quarto triplo
• Valores hospedagem mais café da manhã
• Rua Barão da Pedra Negra, 530 – Centro – Taubaté – SP

..:: Ibis Taubaté – R$ 65,00 (Sessenta e cinco reais) por pessoa, quarto duplo
• Café da manhã – R$ 15,00 (Quinze reais)
• Avenida Independência, 18 – Centro – Taubaté – SP

..:: Antiquo Hotel – R$ 75,00 (Setenta e cinco reais) quarto single
• R$ 90,00 (Noventa reais) por pessoa, quarto duplo.
• Valor hospedagem mais café da manhã

Inscrições limitadas. Data de inscrição até 13 de maio/2011

Email para inscrição e reserva de hotel: sol.real@hotmail.com

Visite nosso blog!

quinta-feira, 5 de maio de 2011

‘Ano da Itália no Brasil’ conduz temática da 1ª Semana da Hospitalidade da Unimonte

Degustações de comidas do ‘País da Bota’, oficinas gastronômicas, painéis de debates, apresentação artística e palestras serão atrações que agitarão o evento, entre 09 e 13 de maio

Com uma programação repleta de atrações para destacar o ‘Ano da Itália no Brasil’, a Unimonte promoverá ao longo de toda uma semana a 1ª edição da Semana da Hospitalidade.

O evento, destinado a estudantes, profissionais e interessados nas áreas de Turismo, Hotelaria e Gastronomia, será realizado entre 09 e 13 de maio, na Unidade Victorio Lanza da instituição (Av. Senador Feijó, 421), sempre com início a partir das 19h30 e entrada franca.

No primeiro dia de atividades (09), o público poderá conhecer as opiniões e experiências de Maximiliano Santinelli, profissional da Costa Cruzeiros, empresa italiana de cruzeiros marítimos. Ele ministrará palestra sobre ‘Hospitalidade e Entretenimento a Bordo’.
Já no dia seguinte (10), os painéis de debates serão os responsáveis por “esquentar” a agenda. Por sinal, autoridades da região do segmento de hospitalidade já estão confirmadas para expressar seus pontos de vista, como a secretária de Turismo de Santos, Wânia Seixas. Às 19h30, as discussões terão como foco ‘O mercado de trabalho da hospitalidade na Baixada Santista’. Em seguida, às 21 horas, o tema principal será ‘A graduação como diferencial no mercado de trabalho da hospitalidade’.
E até mesmo a Sétima Arte será utilizada, na quinta-feira (12), para promover a reflexão sobre as melhores práticas de hospitalidade. Como parte do evento ‘Papo & Pipoca’, o público poderá acompanhar a apresentação do filme italiano La Cena e, após a exibição, participar de um bate-papo com profissionais da área para comentar os principais conceitos destacados no longa-metragem.

No encerramento da programação, o último dia (13 - sexta) será reservado para a gastronomia. O clima italiano vai mexer com o paladar dos participantes durante a realização do evento ‘Sabores da Itália’. Especialistas em azeite, embutidos e vinhos estarão a postos para explicar as características – e curiosidades – de cada um destes alimentos e, também, promover sessões de degustação para o público. Em seguida, todos poderão prestigiar as canções da Dupla Choro de Bolso, com Marcos Canduta e Débora Gozzoli.

Oficinas gastronômicas ensinam a fazer risotos, massas, pães... – Única iniciativa paga no evento, as oficinas gastronômicas da 1ª Semana da Hospitalidade da Unimonte prometem fazer sucesso em 11 de maio (quarta-feira).

Chefs de destaque estarão na instituição para ensinar como produzir diversas delícias. No Laboratório de Gastronomia da faculdade, das 10 às 13 horas e das 19 às 22 horas, o chef Paulinho Pecora comandará a oficina de massas, o chef Eudes Assis estará à frente das demonstrações de como fazer risotos, e o chef Alex Caputo mostrará como criar pães diferenciados.

Ainda no período noturno, o Laboratório de Hotelaria receberá o especialista em coquetéis Danilo Moreira, para ministrar oficina de coquetelaria. Contudo, as iniciativas também ocorrerão longe dos muros da Unimonte. Na atmosfera histórica da Bolsa Oficial do Café, o barista André Almeida irá revelar os segredos de como fazer excelentes cafés, das 19 às 22 horas.

Todas as oficinas custam R$ 40,00 para estudantes da Unimonte e R$ 80,00 para o público em geral. Os participantes, inclusive, ganharão certificado. As inscrições podem ser feitas no núcleo de Pós-Graduação da Unimonte, no piso térreo da Unidade Victorio Lanza (Av. Senador Feijó, 421).

..:: Mais informações sobre o evento podem ser obtidas no site www.unimonte.br e pelo telefone (13) 3228-2100.

A 1ª Semana da Hospitalidade da Unimonte tem como apoiadores Zahil Importadora de Vinhos, Kokimbos Picanha & Pizza, Balé Natura Essência, Cine Roxy, Museu do Café, O Rei da Lingüiça, ICIF - Instituto de Culinária Italiana para Estrangeiros, Parque Balneário Hotel, Ao Chopp do Gonzaga, Restaurante Atami e Quinta da XV.

Técnica ao ar livre reduz conflitos em organização

O estresse de gestores e os conflitos organizacionais ganham alternativa de solução ao ar livre, através de cinco programas destinados a estimular, desenvolver e aprimorar competências dentro de empresas.

O diretor da Outbox, empresa que traz para o mercado catarinense novidades na área de treinamento ao ar livre, professor André Ricardo de Souza, explica que a organização moderna, obrigada a acompanhar a velocidade das mudanças, precisa deixar de lado a cultura do controle e da obediência a padrões pré-estabelecidos em nome de uma dinâmica de aprendizagem e transformação. E sugere que a organização se submeta à Acal – Atividades Corporativas ao Ar Livre - para superar dificuldades, gerenciar mudanças de comportamento, além de capacitar equipes à implantação de todos os projetos empresariais.

André de Souza observa que o importante nestes trabalhos é que a empresa descobre que o sucesso não pode ser alcançado apenas pelo formalismo das estruturas e pensamento mercadológico do gestor.
A relação e comprometimento de todos na empresa, numa sinergia de trabalho, resultados e satisfação, exigem mais energia, integração, olho no olho, sorriso e coração aberto, enfim, a empresa precisa ter um clima organizacional em que as pessoas sintam elas mesmas e a empresa, em um processo natural de convivência. Nisso, a Outbox é uma grande parceira das empresas, assegura.
São cinco os programas da ACAL. O Acal Ludis é indicado para empresas que buscam competências integradoras, motivadoras e o trabalho de equipe. Já o Acal Nature é para as organizações que necessitam de equipes suscetíveis a ameaças externas e ao enfrentamento de desafios.

O programa Acal Management é recomendado a empresas que passam por mudanças e que já identificaram suas deficiências. Acal Top Management é exclusivo para o setor estratégico de organizações em que o senso comum e o espírito de equipe prevaleçam. Por fim, o Acal Coaching é para as organizações que desejam desenvolver competências através de um trabalho contínuo.

Ilhabela (SP): Workshop sobre Marketing de Destinos

Caros colegas do litoral paulista,

Gostaria de compartilhar uma valiosa contribuição enviada pela Consultora Simone Scorsato, da Oficina de Hospitalidade.

Aproveitem!

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Trigo Consultoria em RH ::: Vagas em aberto | 19 de abril de 2011!!


..:: ADMINISTRATIVO ::..

..:: Recepcionista para Clínica Média/Hospital (3 vagas)
Remuneração: R$ 645,00
Benefícios: VT
Local de Trabalho: Praia Grande
Horário de Trabalho: 8h – Seg. a Sexta.
Perfil: Experiência na função, comunicativa, boa postura.
Atividades: Atendimento ao público, autorização de exames, guias médicas, encaminhamento para consultas e exames, preenchimento de fichas.

..:: Estagiários para Clínica Média/ Hospital (3 vagas)
Remuneração: R$ 450,00
Benefícios: VT
Local de Trabalho: Praia Grande
Horário de Trabalho: 6 h – Seg. a Sexta.
Perfil: Nível Superior em andamento, boa postura, comunicativa.
Atividades: Atendimento ao público, autorização de exames, guias médicas, encaminhamento para consultas e exames, preenchimento de fichas.


..:: COMERCIAL E VENDAS ::..

..:: Caixa (Comércio Varejista)
Remuneração: R$ 805,00
Benefícios: VT + 10% de quebra de caixa.
Local de Trabalho: Santos
Horário de Trabalho: 14:00 ás 22:00 Seg. a Sábado – Domingos 15:00 ás 21:00
Perfil: Experiência mínima de 1 ano como caixa em comércio varejista.
Atividades: Atendimento ao cliente.

..:: Assistente Comercial (Santos)
Remuneração: R$ 800,00
Benefícios: VT + VR + Comissão
Horário de Trabalho: Segunda a Sexta Feira, das 08:00 ás 18:00
Perfil: Conhecedora da área portuária. Sup. Completo ou em andamento. Exp. na função.
Atividades: Vendas de serviços, acompanhamento e manutenção de clientes.


..:: FINANCEIRO ::..

..:: Analista de Crédito e Cobrança (Guarujá)
Remuneração: R$ 2.000,00 a R$ 2.500,00
Benefícios: VT + VA (R$ 150,00 mês) + Assist. Médica + Seguro de Vida
Horário de Trabalho: 09:00 ás 18:00 Seg. a Sexta.
Perfil: Exp. em cobrança no varejo, análise de crédito. Conhecimentos de matemática financeira, forte poder de argumentação, dinamismo e proatividade. Usuário de MS Office.
Atividades: Cobrança de clientes inadimplentes; Controle e negociação dos créditos de devoluções e acordos; Recebimento, cobrança e controle de cheques devolvidos; Redução e controle do índice de PDD; Envio e controle dos clientes em cobrança terceirizada; Envio aos bancos dos arquivos de remessa, retorno e instruções de cobrança; Conferência e controle das tarifas de cobrança; Cadastro e análise de documentos, análise de crédito e avaliação de limites; Organização e manutenção dos arquivos de crédito e cobrança.


..:: MANUTENÇÃO ::..

..:: Mecânico (Guarujá)
Remuneração: R$ 978,00
Benefícios: VT + Refeição no Local + VA (R$ 90,00 por mês).
Horário de Trabalho: Seg. a Sexta das 07:00 ás 16:00 – Sábados das 07:00 ás 11:00
Perfil: Conhecimento na função. Exp. em manutenção de caminhões, tratores e automóveis.
Atividades: Reparos em equipamentos de veículos e máquinas. Identificando os defeitos e substituindo as peças danificadas.


..:: OPERACIONAIS ::..

..:: Auxiliar de Sushiman (Shopping Praiamar)
Remuneração: R$ 900,00 (c/ conhecimento) R$ 726,00 (s/ conhecimento)
Benefícios: VT + Refeição Local + Bônus
Horário de Trabalho: 8h dia
Perfil: Boa postura, comunicativo, sem experiência.
Atividades: Auxilio ao sushiman, preparo de pratos.

..:: Auxiliar de Limpeza e Cozinha (Shopping Praiamar)
Remuneração: R$ 726,00
Benefícios: VT + Refeição Local + Bônus
Horário de Trabalho: 8h dia
Perfil: Com disposição, organizado, conhecimento na função, residir em Santos
Atividades: Limpeza e organização da loja.


..:: SAÚDE HOSPITALAR ::..

..:: Auxiliar de Limpeza Hospitalar (Praia Grande)
Remuneração: R$ 800,00
Benefícios: VT + Assist. Médica
Horário de Trabalho: 8h dia
Perfil: Com disposição, organizado, conhecimento na função, residir em Praia Grande.
Atividades: Limpeza hospitalar.


..:: PROFISSIONAL EM NÍVEL TÉCNICO ::..

..:: Técnico Eletrônico
Remuneração: entre R$ 1.500,00 e R$ 2.500,00
Benefícios: VT + VR + Assist. Médica + Assist. Odontológica + Seguro de Vida
Horário de Trabalho: 44 horas semanais
Local de Trabalho: Santos
Perfil: Experiência de 1 ano com reparos de quaisquer tipos de equipamentos, em especial que envolva análise de diagramas de circuitos e interconexão de equipamentos.
Formação/ Escolaridade: Formação Técnica com ênfase em Eletrônica ou Telecomunicações.
Atividades: Serviços de instalação de equipamentos eletrônicos, ligações elétricas, confecção de conectores, etc.

..:: Serviço ::..

- Cadastramento em nosso site: www.trigorh.com.br
- Por e-mail rh@trigorh.com.br, acrescentando no assunto do e-mail qual a função de interesse.
- Sites de relacionamentos: www.twitter.com/trigorh
- Endereço: AV. Almirante Cochrane, 194 – cj. 55 – CEP 11040-002 – Santos/SP

Graffit | Viagens & Projetos Turísticos

Mapa-Mundi.com

Mapa-Mundi.com
Redefinindo o Luxo de Viajar